Para Usar

Como funciona o álcool gel: explicamos tudo para usar em segurança

O álcool gel transformou-se num objecto que faz parte do nosso dia a dia e que todos devemos usar. Prático e eficiente, é uma excelente alternativa para quem procura proteger-se do contágio de vírus e bactérias. Mas, assim como qualquer produto, deve ser utilizado com algumas recomendações. Saiba como funciona o álcool gel e como deve ser utilizado. 

Como uma das medidas de segurança no combate à disseminação do Covid-19, a OMS salientou que todos devemos higienizar as mãos de forma criteriosa, pois estas são um grande meio de contágio. A partir daí o álcool gel passou a ser um bem essencial.

Como funciona o álcool gel e de que é feito

O álcool etílico é uma substância que produz resultados muitos satisfatórios quando utilizado para desinfeção, e também como poderoso anti-séptico. Retira tudo de mau que possa estar alojado na nossa pele.

É importante olharmos para a concentração de álcool que existe na composição do produto que se pretende adquirir. Muitos podem pensar que, quanto maior a concentração, maior a proteção, mas será isso mesmo verdade? Especialistas garantem que não. 

Usar álcool 94% para a desinfeção das mãos, por exemplo, não é recomendável. Como a sua evaporação é demasiado rápida, ele não consegue matar efetivamente todos os microrganismos que possam estar presentes na superfície da pele

Desta forma, a melhor opção é o álcool gel com concentração 70%, que demora mais para evaporar e, assim, consegue eliminar vírus e bactérias de forma mais eficaz. O álcool líquido ou em spray com a mesma concentração também pode ser utilizado, embora seja mais recomendável para a limpeza de objetos e superfícies. 

Posso produzir em casa?

Poder pode, mas não é aconselhável. Não é difícil encontrar online textos e vídeos que ensinam a fabricar o álcool gel em casa. A produção caseira não é recomendada pois a concentração produzida pode não atingir os 70%, o que faz com que a solução não possua qualquer eficácia na desinfecção. 

Para além disso, existem receitas que incluem a utilização de óleos e misturas de ervas que podem até causar algum tipo de irritação na pele. 

Tempo de actuação

Ao passar o álcool gel da forma correta em toda a superfície das mãos, garante a desinfecção dessa parte do corpo. Mas isto não quer dizer que a desinfecção possui um tempo prolongado. Na verdade, ao menor contacto com uma superfície, objeto ou gotículas de pessoa contaminada, as mãos infectam-se novamente. 

Não existe qualquer resíduo no álcool 70% que proporcione às pessoas a garantia de mãos limpas por mais tempo. O produto deve ser reaplicado sempre que houver qualquer contacto com pessoas e objetos.  

alcool gel

Preço: 3,99€ Comprar na Woman’s Secret ⇒

Cuidados com a pele

O uso contínuo do álcool gel pode provocar o ressecamento da pele, uma vez que consegue remover os lipídos naturais que a ajudam a pele a ficar hidratada. Isto pode provocar pele muita seca e até dermatites mais graves. 

Pessoas que possuem histórico de alguma doença preexistente, como o cancro, podem ter uma probabilidade maior de apresentar a pele mais fragilizada e, com a utilização excessiva do álcool gel, certas irritações podem abrir as portas para a penetração de vírus e bactérias.

Caso seja necessário reaplicar a substância constantemente, utilize um complemento: aplique, após o álcool gel, um bom hidratante para as mãos. Ele não afetará na limpeza das mãos. Em algumas farmácias ou mercados existe até a opção de álcool gel 70% com a adição de hidratante à fórmula.

Como funciona o álcool gel e como usar

Mãos gordurosas ou sujas diminuem a eficácia do álcool gel. Procure estar com as mãos secas para que o desinfetante consiga actuar de forma mais eficaz. 

Como aplicar o álcool gel correctamente 

Existe uma forma correta de utilizar o álcool gel 70% e obter a assepsia desejada. Siga estes passos para a melhor aplicação:

  1. Na palma, aplique a quantidade suficiente do produto para cobrir toda a superfície das mãos.
  2. Esfregue as mãos, espalhando o álcool em toda a parte interna.
  3. Friccione a palma direita sobre o dorso da mão esquerda, entrelace os dedos e realize o movimento de baixo para cima. Depois, repita o processo com a palma esquerda sobre o dorso da mão direita. 
  4. Lembre-se de entrelaçar e limpar bem os espaços interdigitais.
  5. Friccione os dedos de uma das mãos sobre as palmas e friccione utilizando um movimento de vai e vem. 
  6. Para a limpeza dos polegares: friccione o polegar esquerdo com a utilização da palma da mão direita em movimentos de vai e vem. Repita a mesma operação para o polegar direito. 
  7. Para higienizar os dedos e as unhas, esfregue-as sobre a palma de uma das mãos, realizando um movimento circular. Repita a operação nas polpas e unhas da outra mão. 
  8. Aguarde durante um período de 20 a 30 segundos e pronto: as suas mãos estão devidamente higienizadas. 
desinfetante

Gel desinfectante para mãos – 1L
Preço: 10,99€ Comprar ⇒

O álcool gel é um grande aliado durante o dia a dia, já que nem sempre temos por perto sabão e água corrente para a higienização das mãos. Mas, quando houver essa opção, prefira realizar a limpeza das mãos durante pelo menos 20 segundos com muito sabão e água, preocupando-se em limpar toda a região do dorso, da palma, dedos, unhas e pulsos. Realize os mesmos movimentos indicados para a limpeza das mãos com o álcool gel. 

Leia também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.